ORGÂNICO, NATURAL OU BIO – QUAL A DIFERENÇA?



Orgânico vem se transformando numa designação cada vez mais procurada, seja em alimentos, roupas, produtos de limpeza e de beleza – é saudável e politicamente correto ao mesmo tempo. É uma certificação para produtos, concedida por organizações nacionais ou internacionais. No Brasil é mais comum se encontrar produtos com os selos do IBD e Ecocert (nesse caso a procedência do produto é garantida, apesar de haver divergências em seus critérios e diretrizes).
Mas muitos de vocês podem se perguntar, o que é exatamente um cosmético natural, ou orgânico? E qual a diferença entre eles e os convencionais? Muito simples, a diferença é a porcentagem de ingredientes certificados orgânicos em sua fórmula. Outras boas características dos produtos orgânicos são a ausência de derivados do petróleo, substâncias tóxicas, produtos geneticamente modificados e não testados em animais. São produzidos de forma a agredir menos o meio ambiente em sua cadeia produtiva, e aliam valores de sustentabilidade e responsabilidade social. Segundo o IBD (Instituto Bio Dinamico), as designações para os produtos são:
  • 100% Orgânico;
  • Orgânico - no mínimo 95% de ingredientes orgânicos;
  • Produtos com ingredientes orgânicos - variam de 50% a 95% de ingredientes orgânicos;
  • Natural - pelo menos 5% de ingredientes orgânicos;
  • Biodinâmico – feito com ingredientes da agricultura biodinâmica (selo Demeter).
Leia sempre os rótulos, e atenção para os detalhes....Alguns produtos podem ser naturais em sua maior parte, mas isto não quer dizer que os fabricantes sigam os critérios de produção orgânica. Além disso um produto natural não exclui a possibilidade de haver ingredientes sintéticos e/ou tóxicos em sua composição.

Um comentário:

Olá, obrigada pelo seu comentário! Equipe Beleza Orgânica