SHAMPOO SEM ESPUMA - NOVO PARADIGMA


Como todo mundo, nem sempre usei produtos orgânicos nos cabelos. Estava acostumada com o ritual de sempre procurar um shampoo e condicionador diferente na farmácia, porque os produtos costumavam funcionar bem por um tempo, e depois parecia que o cabelo viciava na química e parava de fazer efeito. E sempre me atraía pelos produtos que diziam “feitos com extratos naturais” pensando que estava abafando, e comprando um produto super natural. Mas à medida que fui acordando para a realidade dos ingredientes, e procurando ler os rótulos, fui entendendo que não podia mais ser assim. E quero que vocês lembrem que o couro cabeludo absorve a química do mesmo jeito que a pele, por isso é bom reavaliar o que você anda usando.

Uma das coisas que me motivou a ter a loja foi a dificuldade que eu tinha de achar produtos mais naturais como consumidora. E para a categoria shampoo sempre foi particularmente difícil. Primeiro porque a qualidade que mais se espera de um shampoo é que faça a espuma. E o ingrediente mais usado para isso é o Lauril Sulfato de Sódio, que é barato, por isso largamente usado na indústria. Corrosivo, irritante da pele e couro cabeludo, pode causar alergias e até queda de cabelo, e o maior problema é que pode reagir com outros ingredientes usados em cosméticos e formar nitratos, que são carcinogênicos. Interessante que o  óleo de coco  é usado como matéria-prima na produção do composto químico. Eu não sou engenheira química, mas como jornalista, pesquisei sobre o assunto e descobri que é difícil achar um substituto comercial. Os tensoativos que fazem espuma tornam a limpeza mais fácil, envolvendo as moléculas de gordura e sujeira. 

Mas com a espuma vai também a hidratação natural e a queratina. Muita gente reclama de ter a raiz oleosa e as pontas secas, caspa, e irritação no couro cabeludo. Será coincidência? Tenho clientes que me falam que depois que trocaram seus shampoos pelos orgânicos dizem que resolveram seus problemas. Não vou mentir, quando se experimenta um shampoo orgânico pela primeira vez, realmente se estranha a falta de e espuma, e a consistência, que é de gel em vez de perolada. Mas depois dá a impressão de que o cabelo está super limpo como quando se usa shampoo anti-resíduo. E pode demorar alguns dias para o cabelo desviciar e acostumar, dependendo de quanta química se usa, entre leave-in, modeladores, óleo anti-frizz, etc.

Mas vale a pena, todo mundo anda dizendo que o meu cabelo está mais bonito e tratado ultimamente. Antes eu achava que tinha cabelos secos, mas descobri que eles são normais. Não tenho mais oleosidade na raiz e as pontas secas. Está mais soltinho, com mais brilho e muito mais saudável. Acabaram as pontas duplas, e ele cresce muito mais bonito. E melhorou muito o meu caso crônico de frizz! Eu até vario de vez em quando os produtos, mas só porque depende do meu humor e gosto de sentir aromas diferentes. Mas sinto que o cabelo não fica mais viciado nem pesado.

Uma observação importante: para quem faz alisamento e tintura, lamento informar que pode não funcionar muito bem, e já ouvi depoimentos de que desbotou a tintura. Não digo para ninguém deixar de pintar ou alisar os cabelos, isto é muito pessoal, e as mulheres são muito vaidosas. Mas acho que é preciso medir os riscos de se expor a substâncias tóxicas e procurar alternativas menos nocivas. Num post futuro, vamos falar de condicionadores e hidratação, aguardem!

17 comentários:

  1. Ola Renata¨

    Muito bacana sua materia,parabens por sua loja.
    Eu tambem sou como voce ,tenho dificuldades de encontrar algo organico.Ate estou estudando pra entender melhor as composicoes.Nao me basta so saber que bom,eu quero sbaer o que consumo.

    Voce mencionu sua pesquisa sobre composicoes.Eu sou apenas uma consumidora curiosa.Sera que voce poderia me dar dicas ,onde voce encontrou suas fontes?

    P.s:Se voce puder se comunicar por e-mail agradeco.O meu e:laneguia@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Iane,
    Tudo bem? Obrigada por deixar seu comentário! Parabéns por procurar ser uma consumidora consciente, sempre digo que a melhor coisa é começar a aprender a observar os rótulos, porque não se pode confiar cegamente nos fabricantes. Procurar a certificação orgânica nos rótulos é uma ótima maneira de se proteger, porque os produtos passam por um rigoroso processo de análise que garante sua origem e maneira de produção. Aqui no blog, em links úteis no canto direito embaixo, eu listo fontes de pesquisa que costumo usar, o EWG é a mais completa, uma coligação de ONGs nos EUA comandadas por especialistas, que fazem análise de ingredientes e produtos. Você já deu uma olhada na nossa loja também? Procuramos oferecer uma seleção de produtos o mais natural e orgânica que encontramos, sempre listando todos os ingredientes da fórmula.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Renata! Adorei o seu blog e o conceito dos seus produtos. Sou uma entusiasta do bem-estar animal e uma atitude como a sua é muito louvável. Ganhou uma seguidora fidelíssima! ;)
    A respeito da informação que você citou em que os cabelos alisados e tingidos podem não sentir o mesmo efeito que os cabelos normais usando o shampoo orgânico, gostaria que esclarecesse melhor. Digo isso, porque já li que shampoo anti-resíduos diminui o efeito de um alisamento, por exemplo. Portanto seria isso a que você se referiu?
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Oi Alê, desculpe a demora em responder, só vi agora seu comentário. Fico feliz que esteja curtindo o blog!
    Olha, eu quis dizer que o shampoo orgânico dá uma sensação de limpeza profunda parecida com a de shampoo anti-resíduos, mas não acho que age da mesma forma na cutícula do cabelo. Vou perguntar para nossos colaboradores que são especialistas e te retorno sobre isso ok? Quis alertar porque tive duas clientes que tinham feito alisamento e não se deram bem com os shampoos orgânicos. Difícil dizer com propriedade porque não sei que tipo de método tinham feito, e cada um tem um cabelo diferente...

    ResponderExcluir
  5. Parem de generalizar as mulheres. Muitas são, outras não. Muito homens também o são, outros não. Cosméticos não são apenas para mulheres. Isso já está chato.

    ResponderExcluir
  6. Flor, gostei muito do teu blog, o encontrei procurando por maquiagens naturais, feitas em casa.. Já faz mais ou menos uns 6 meses que não uso shampoo e condicionador "de mercado", eu aprendi uma receita de uma técnica chamada No Poo, já ouviu falar? Eu estou amando, não estou mais vendo ele oleoso na raiz e seco nas pontas, e já ouvi diversas vezes que meu cabelo está mais macio! Primeiro você mistura um copo de água para uma colher de sopa de bicarbonato de sódio, esfrega bem o couro cabeludo e enxágua, e depois para fachar os poros e hidratar o cabelo um copo de água para uma colher de sopa de vinagre (eu costumo colocar cravo ou canela em pó também, que além de dar um cheirinho delicioso no cabelo, são anti-sépticos), deixa no cabelo por uns 3 minutinhos, enxágua bem.. Eu costumo colocar as misturas em embalagens de Shampoo, e ir usando, para não ter que fazer toda vez.. Vou fazer em breve no meu blog um post falando melhor sobre essa técnica, caso você esteja interessada em saber mais!
    atriskleonmyfoot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oi Renata, adorei o blog.
    Gostaria que me indicasse o shampoo orgânico que você usa e outras alternativas e onde comprar.
    picomercinho@hotmail.com

    Agradeço.
    Karina

    ResponderExcluir
  8. @Karina, atualmente estou apaixonada pelos shampoos orgânicos da linha Amazônia Preciosa da Surya Brasil, mas já testei todos os shampoos da loja e todos são muito bons e com muito menos química que os shampoos convencionais. Dê uma olhada no link abaixo, e se tiver qualquer dúvida, mande um email para atendimento@belezaorganica.com

    http://belezaorganica.com/loja/index.php/cabelos/shampoos.html

    ResponderExcluir
  9. Qual shampoo sem espuma vc indica?

    ResponderExcluir
  10. Indicamos todos os shampoos à venda na loja, porque são livres de sulfatos: http://belezaorganica.com/loja/index.php/cabelos/shampoos.html

    ResponderExcluir
  11. Olá Renata,
    Gostaria de parabenizá-la pelo blog e pela loja. Já sofri muito com a minha alergia, depois de várias idas ao dermatologia e alergista descobri, sozinha, que o sulfato de lauril era o grande vilão. No inicio, ao sair do banho, meu menor problema eram os olhos vermelhos e a coceira insistente no couro cabeludo, mas depois de um tempo começaram a surgir as dermatites, especificante na região central do rosto, pareciam e doíam como queimaduras de óleo, era assustador. Enfim, hoje controlo bem a alergia com produtos vegetais e orgânicos. Obrigada pelas dicas preciosas que compartilha conosco. Muito sucesso para você!

    ResponderExcluir
  12. Muito obrigada Elaine, meu maior prazer é poder informar e contribuir para ajudar a qualidade de vida das pessoas! ;)

    ResponderExcluir
  13. vi agora uma declaração sua no Globo.com falando de shampoo do site A Arte dos Aromas, qual shampoo que você usou que acabou com queda, caspa, frizz e pontas duplas que você falou?

    ResponderExcluir
  14. Oi Felipe, todos os shampoos da loja são sem sulfatos e ajudam com estes problemas. Na matéria eu me referi ao Shampoo de Andiroba Arte Dos Aromas, veja aqui: http://bit.ly/GSAzLN

    ResponderExcluir
  15. Queria que vc sugerisse uma tintura pra cabelos castanhos escuros mais saudável que as tinturas comuns. Bjos Celinha

    ResponderExcluir
  16. Celinha, a tintura mais natural que existe no mercado é a Henna. Temos várias cores e em dois tipos na nossa loja, em pó e em creme pronta para aplicar, veja aqui: http://belezaorganica.com/loja/index.php/cabelos/coloracao.html

    ResponderExcluir
  17. Obrigada pela sua resposta. Estou usando tudo orgânico. Tenho pesquisado e procurado somente produtos mais naturais que vai da alimentação aos cosméticos.Bjos minha queridaaaaaaa

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pelo seu comentário! Equipe Beleza Orgânica